Página Inicial > Resgate, Vídeos > E se você faltasse, como ficariam seu peludos?

E se você faltasse, como ficariam seu peludos?

Apelo da protetora Lóris Sarkis: uma parente sua, chamada Beth, de São José do Rio Preto, São Paulo, faleceu de ataque cardíaco fulminante, deixando 6 cães e um gatinho. Beth tinha 66 anos e não teve filhos. Seus irmãos não quiseram saber dos animais, que foram alimentados por uma vizinha até que Lóris conseguisse chegar a São Paulo (uma semana depois) para resgatá-los do destino que teriam se ela não interferisse: o CCZ.

www
Com exceção da salsicha (primeira foto), são cães velhinhos. A peludinha cinza e o branquinho enxergam muito pouco, a marronzinha já perdeu muitos dentes, enfim, são animais difíceis de serem adotados, infelizmente sabemos.

Beth foi encontrada sem vida no chão da sala de estar, com os cães ao seu redor, a marronzinha deitada em seu peito. A funerária só conseguiu levar o corpo depois que um vizinho, conhecido dos cães, apareceu para ajudar. “Creio que os animais são anjos que podem nos ensinar o que é fidelidade.” Wal Águia

Olha a ferinha aí!
Gatinho que foi encontrado 4 dias depois da morte de sua protetora, que o tinha resgatado das ruas e estava batalhando por um novo lar. Estava escondido dentro de um arquivo, faminto, sujo e apavorado.

Quando Lóris chegou na casa, encontrou os cães deprimidos, tristes, em luto. Não se levantaram das suas caminhas e muitos deles rosnaram. Essas imagens foram feitas no segundo dia, depois de muito carinho e conversinha. Vejam que recepção!


CAMPANHA PADRINHO BOM PRA CACHORRO

Se puder apadrinhar algum desses patudinhos órfãos, entre em contato com a protetora Lóris, que está assumindo esses animais, sem poder: (48) 9972-1716. Ou escreva para: oba@obafloripa.org (com cópia para oba.floripa@gmail.com).

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Compartilhe:
  • Twitter
  • Facebook
  • Google Bookmarks

Ana Lúcia Resgate, Vídeos

  1. maria thereza
    3, fevereiro, 2012 em 15:40 | #1

    eu sempre penso nisso. amo meus dois caezinhos que peguei na rua, sofridos e agora sao muito amados e protegidos. fiquei muito emocionada com essa materia acima pois e realmente uma realidade cruel para nos que amamos e respeitamos os animais. para mim sao nossos irmaos em espirito, temos deveres para sempre com eles. se eu pudesse, juro que ficaria com todos dessa senhora. espero em Deus que consigam lares definitivos e tenham muito amor, respeito, protecao e dignidade. o ser humano ainda nao evoluiu o suficiente para entender que somos todos iguais, perante o criador somos irmaos em espirito e devemos ser companheiros nessa curta jornada (e outras tantas que percorreremos) e nao algozes e escravos. peço sempre a Deus pelos meus anjinhos e por todos os animais que sofrem no mundo inteiro.

  2. Camila Razze
    3, fevereiro, 2012 em 15:58 | #2

    EU ACHO QUE PODERIAM FAZER A FARRA DOS POLITICOS !!!

  3. Cláudia
    3, fevereiro, 2012 em 19:30 | #3

    Pois bem… essa é uma situação que posso dizer inevitável, morreremos ! Foi pensando nisso e não suportando a idéia de ver meus 13 cães sem amparo é que fiz uma Previdencia Privada + Seguro de Vida. Sei que pago +/-200 reais por mes e coloquei meus filhos como herdeiros porque eles amam e respeitam os animais como eu, e já avisei que o resgate aproximado de 180 mil será para manutenção dos meus filhos (animais) para dar continuidade a vidinha tranquila que levam. Agora vou fazer um Testamento deixando bem claro tudo isso. Existe Previdencia e Seguro de todo preço acho que toda protetora deveria fazer um e colocar como herdeiro pessoa conhecida que poderia cuidar dos bichos. é isso aí!

  4. cecilia breves
    4, fevereiro, 2012 em 00:57 | #4

    sempre pensei nisso e fiz um seguro barato mas que resolve. Pago 10 reais mensais e recebo(claro, a pessoa de minha confiança pois eu empacotei)50 mil reais. Dá pra ter calma para doação da prole. Sinto dizer que quem não pensa nisso é muito irresponsável.

  5. Marina
    4, fevereiro, 2012 em 21:47 | #5

    Ultimamente me bateu um desespero em pensar nesse asunto. Fiz um seguro de vida no nome da minha irmã mais nova. Para que ela possa fazer a doação com tranquilidade de forma responsável. Atualmente tenho 16 cachorros e o trípulo de gatos. kkkkk.

  6. Roberta Maria de Campos Lins
    6, fevereiro, 2012 em 23:54 | #6

    Eu não penso nisso, eu me DESESPERO quando penso nisso. Estou com inventário em andamento e só esperando ele terminar para fazer meu testamento.Tudo em prol dos meus animais.

  1. Nenhum trackback ainda.

 
Por favor digite no campo abaixo a palavra: OBA
No preencha o campo abaixo.