Arquivo

Textos com Etiquetas ‘Alimentação’

“AJUDE A PAGAR A NOSSA COMIDINHA?”

22, janeiro, 2017

22

O boleto da compra da ração vence amanhã (23/01) e ainda precisamos arrecadar R$ 2.692,44.

POR FAVOR, doe qualquer quantia, pois nossa situação é dramática. São mais de 400 animais de 10 comunidades indígenas que são amparados pela OBA e que contam com nossa atitude e solidariedade para sobreviver.

Banco do Brasil (banco 001)
Agência: 1453-2
Conta Corrente: 36.798-2
Titular: Organização Bem-Animal
CNPJ 09.454.046/0001-55

Foto: Aldeia Indígena M´Biguaçu, 10/11/2016

Ação em comunidades indígenas, Alimentação, Mutirão Mata-fome , ,

A época mais contraditória do ano…

24, dezembro, 2010

Gente, não tem época mais estressante que o Natal, né?

Tudo entra em ritmo frenético: compras, shoppings, mercados lotados, filas, férias, festas e, claro, a matança dos perus para a ceia.

Muita gente nunca nem parou para refletir no palco de contradição que a mesa se torna nesta data. Como podemos comemorar o nascimento do salvador com um animal que teve que perder a vida. Isso não é doido?

Os pratos servidos normalmente nas festas de ano novo também não ficam longe da incoerência humana. Quando renovamos as esperanças para um próximo ano é justamente quando acabamos com a de vários animais levado-os para o nosso prato.

Então, para quem quer uma comida livre de crueldade, vão aqui algumas sugestões veganas:   Bacalhoada vegana, carne de soja com cebola caramelada, assado perfumado de nozes, lazanha de berinjela, tofu de natal, caviar de berinjela, arroz a grega, assado de soja e carne vegetal farofa crocante, maionese de cenoura, lentilha especial, legumes e arroz ao curry, Paella vegan, risoto picante de tomate, Farofa de legumescarpaccios vegetais de tomate e abobora Carpaccio de frutas do Bom velhinho, cuzcuz de berinjela, torta mista de shiitake e vegetais, rocambole salgado,   rabanada veganasorbet de chocolate, mousse de maracuja e castanhas, maças natalinas, bolo de nozes, Mousse de manga, e claro que não poderia faltar: Panetone vegano

E não poderia falta também uma salada para acompanhar esses pratos deliciosos, né? Então aproveite esta época para inspirar-se e criar umas bem coloridas com vegetais, legumes e frutas que você e sua família mais gostam.

Se você não curtiu nenhuma receita, dá uma espiada no orkut, lá tem uma comunidade muito legal só com receitas vegetarianas e veganas, veja aqui.

Renata Octaviani, do site VegVida, foi convidada do programa ‘Mulher.Com’ da TV Século 21 e trouxe uma excelente sugestão de Ceia Vegana:

Dicas, Reflita!, Vegetarianismo ,

1º de Novembro – Dia Mundial Vegano

1, novembro, 2010

Karen Heath e amigos

Karen Heath e amigos

Por que eu me tornei vegana

Por Karen Heath*

Eu lembro bem da minha última refeição com carne: o quase mítico sanduíche de bacon. Eu o preparei, o comi e pensei: “É isso; meus dias de comer carne chegaram a um fim”. E que alívio isso representou. Eu sabia há muito tempo que havia algo errado em comer animais, mas nunca tinha conseguido desistir. Isso foi 25 anos atrás.

Quando eu estava crescendo eu nunca tive exemplos de pessoas que não comiam carne em minha vida. Eu não conhecia nenhum vegetariano, mas eu sabia que eu deveria ser um deles. Meu pais às vezes chegava em casa depois de ter visto carneiros brincando em um campo e nesses dias declarava que ele não queria seu bife de cordeiro. Mas, além disso, nós éramos uma família que comia carne em toda refeição.

Depois de eliminar a carne da minha vida demorou alguns anos até eu me tornar vegana. Eu ainda me encontrava em processo de negação sobre a crueldade da indústria de laticínios e tinha essa imagem na minha cabeça de uma vaca feliz voluntariamente jorrando seu leite cremoso para dentro de um balde para que nós bebermos! Então um dia eu fiquei em uma fazenda leiteira e essa imagem se despedaçou. Não era nem mesmo uma fazenda ruim, de fato era uma dessas fazendas de família, daquelas bonitinhas que você vê em livros. Mas a realidade não era bonitinha – eu vi os bezerros sendo arrancados de suas mães para que as pessoas possam beber o leite que deveria ser deles. Os bezerros chupavam meu dedo ansiosamente e eu fiquei horrorizada ao tomar conhecimento daquilo que até então eu desconhecia.

Leia mais…

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Reflita!, Vegetarianismo ,