Arquivo

Textos com Etiquetas ‘Castração’

Diário do Mutirão Mata-Fome 20/12/2012

21, dezembro, 2012

Partimos para a Aldeia de Biguaçu para ver como estavam as bebezinhas da casa do Bruno e também aproveitamos para entregar ração em algumas casas.

Ficamos felizes ao ver Trica e Fofa recuperadas e muito, muito bem! E ainda mais felizes com a permissão para castrar uma gatinha da casa da Cabritinha.

aldeia 20.12.2012

Neste domingo, será o Mutirão Mata-Fome especial de Natal. Venha participar como voluntário ou doe ração para os focinhos carentes! Saiba como ajudar aqui.

Confira o álbum de fotos:

Clique nas imagens para ampliá-las.

Mutirão Mata-fome

Diário do Mutirão Mata-Fome 23/10/2012

23, outubro, 2012

Dia de castração. Levantamos cedo e partimos, mesmo com chuva, para a Aldeia de Biguaçu.

Levaríamos uma gatinha da casa do Pudju a pedido da própria família. Muito bacana quando os indígenas nos solicitam a castração. Prova de que alguns estão criando consciência e aprendendo os benefícios de castrar seus animais.

Na casa da Girafa, encontramos a gatinha amarela precisando de atendimento emergencial. Ela teve filhotes recentemente (essa família ainda não permitiu sua castração) e estava com um sangramento incomum. Recebeu atendimento e logo retornou para seus bebês.

Desta casa também levamos um gatinho macho, que entrou na caixa de transporte por conta própria. A castração dele foi permitida, ainda bem!

Ficamos aliviados em rever a gatinha bebê que não encontramos no Mutirão Mata-Fome do último domingo. Ela ficará internada e quando retornar à aldeia será acolhida por outra família, que é nossa parceira naquela comunidade.

E, de brinde, levamos a Chorona para matar a saudade da clínica veterinária.

castracoes 23.10.2012

Contamos com vocês para que as castrações e atendimentos emergenciais não parem por falta de recursos. Saiba como ajudar: http://www.obafloripa.org/blog/como-ajudar/doacao/

Confira o álbum de fotos:

Clique nas imagens para ampliá-las.

Material Educativo ,

Castração da Alasca 04/10/2012

4, outubro, 2012

Dia de castração, e levamos apenas uma cadelinha, porque conhecemos bem a menina e sabemos que vale por 4. Alasca mora na aldeia indígena de Biguaçu, no alto do morro, e não quis, de jeito nenhum, ir até o carro passeando na guia e coleira. Então duas voluntárias tiveram que descer com a grandalhona no colo, revezando, obviamente, porque seus 24 quilos, diante das circunstâncias (trilha, morro, descida, chuva, lama, escorregões) pareciam 50.

Confira as fotos e saiba como financiar uma castração!

Clique nas imagens para ampliá-las.

Mutirão Mata-fome

Diário do Mutirão Mata-Fome 24/02/2012

24, fevereiro, 2012

Mais um pedido de socorro: Sorriso também estava todo machucado e com o pescoço aberto, consequência da irresponsabilidade de seus tutores de não permitirem a castração da cadelinha da família, a Melinda. Cadelo no cio = machos se matando. E Sorriso, como macho alfa, se meteu em todas as brigas. Aliás, descobrimos o motivo que deixou nosso Caramelo tão ferido. Detalhe que nosso velhinho é castrado, mas entrou na bagunça e apanhou feio.

Ao chegarmos na aldeia, todos os machos das casas vizinhas tentavam cruzar com Melinda, que estava esgotada e agressiva com todos eles. E nada do Sorriso, que a essa altura já tinha fugido para a mata, muito machucado, segundo os indígenas. E a coisa deve ter sido mesmo séria, porque sua tutora permitiu, sem que precisássemos implorar, que Melinda fosse esterilizada.

Mesmo que não seja possível castrá-la agora – porque o risco de hemorragia é altíssimo em cadelas no cio -, saímos com a peluda às pressas da aldeia.

Melinda
Melinda bem acomodada no carro (e comendo biodog).

Ela ficará numa hospedagem e, assim que o cio acabar, será castrada. Mais uma vitória, que foi comemorada sem muito entusiasmo, diante da angústia de saber que nosso menino sorridente está ferido e sem nenhuma assistência.

Amanhã, bem cedo, tem nova busca.

Sorriso
Torçam para que o Sorriso seja encontrado!
Precisamos ver esse sorriso novamente. E sempre.

Precisamos ver esse sorriso novamente. E sempre.

Mutirão Mata-fome ,

Os perigos do uso de anticoncepcionais em cães e gatos

6, junho, 2011

Evitar uma cria indesejada é uma das grandes preocupações dos donos de gatas e cadelas. A outra é o bem-estar do animal. Ambas entram em conflito quando o assunto são os métodos contraceptivos, em especial o uso de anticoncepcionais. Além disso, o comportamento sexual dos animais em cio muitas vezes é extremamente desagradável para o proprietário. A presença de sangramento vaginal, manchas pelo chão, odores, latidos, atração de machos e marcação do território fazem com que os proprietários busquem uma solução para esse incômodo. Sabe-se que muitas pessoas cometem o equívoco de usar anticoncepcionais, imaginando serem inofensivos, mas não é bem assim.

Tais medicamentos apresentam grande aceitação, pois são de baixo custo e podem ser encontrados facilmente em casas de rações e lojas do gênero, além de serem vendidos sem prescrição do médico veterinário.

Leia mais…

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Artigos, Reflita!, Saúde Animal